23/01/2011

Uma benção recebida, mesmo que pequena ela seja já é uma vitória!

Ontem (22/01/2011), meu celular que ganhei do meu pai, e no qual sempre utilizo para guardar minhas músicas e tirar minhas fotinhas, deu UM GRANDE MERGULHO NO BALDE DE ÁGUA DO BANHEIRO DO ESCRITÓRIO. De imediato tirei ele de lá, tratei de secar e secar....mas, ele começou a falhar e falhar, e depois não quis mais ligar. Chorei, chorei, até não querer mais... Orei, orei, orei.... 

E Deus me deu meu celular de volta....Porque eu lembrei.... E tudo quanto pedirdes em meu nome, isso farei, a fim de que o Pai seja glorificado no Filho.”João 14.13."  

LOUVADO SEJA O NOME DO MEU SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO, ENVIADO PELO NOSSO DEUS PAI ETERNO, PARA SEMPRE AMÉM!!!

Em ressalva a essa benção que Deus me deu, de devolver meu celular do jeito que estava antes, eu exponho o seguinte texto que retirei de um site (não lembro o nome): 

A quem devemos invocar na oração? 

O próprio Senhor Jesus nos disse claramente que devemos orar ao Pai em Seu nome. Por isso Ele continuamente apontava para o Pai. 
Deus é o alvo, o Filho é o caminho que nos conduz para esse Alvo. Esse, aliás, foi o alvo dos sofrimentos do Senhor Jesus: “Pois também Cristo morreu, uma única vez, pelos pecados, o justo pelos injustos, para conduzir-vos a Deus.” 
Não deveríamos também nós trilhar esse caminho? 
Não existe outro caminho! Unicamente pelo sangue de Jesus teremos a ousadia para entrar no Santo dos Santos, até a presença de Deus! 
E Jesus nos ensina a orar: “Pai nosso que estás nos céus…”Paulo também nos mostra esse caminho: “…dou graças a meu Deus mediante Jesus Cristo." Mas também confessamos que Jesus é o Senhor. Nos revestimos dEle e esperamos a Sua vinda. 
A graça de Deus nos foi outorgada em Jesus Cristo. Por isso também podemos orar diretamente ao Senhor Jesus Cristo. Ele mesmo diz: “…quem me vê a mim, vê aquele que me enviou. 

Extraído do livro Pérolas Diárias (de Wim Malgo)
Share:
Postar um comentário