20/03/2011

,

Entendendo a importância de ensinar Regras e Boas Maneiras às Crianças

Quem nunca se perguntou: Como devo me comportar como cristão na Casa de Deus? Bem, muitos professores e líderes, até mesmo pais, tem feito este questionamento, por conta de terem alguns de seus pequeninos, um mal comportamento quando chegam a Igreja. Alguns correm para um lado, outros gritam de outro, uns batem nos coleguinhas, alguns chamam palavrões, entre outras coisas. Mas, como lidar com crianças tão complicadas, e que não foram educadas corretamente em seus lares?
Sempre que preciso, leio muitos livros, principalmente os que falam sobre educação, um deles que estou lendo agora é do Dr. Içami Tiba, um grande mestre e estudioso na área de Educação e Psiquiatria, doutor em várias áreas relacionadas a Psicodrama, um também um grande escritor renomado aqui no Brasil. Seus livros, são sempre um grande coquitel de ensinamentos nessa área de Educação.
Agora você me pergunta, o que isso tudo tem a ver com o tema descrito no título do post? Bem, quero te dizer que tem muita coisa a ver, porque se somos educados desde crianças em nossa casa, e nossos pais nos ensinam o que é correto ou não, com certeza a criança não repetirão as atitudes erradas em outro lugar, e sempre agirá do modo que foi ensinada. Se uma criança é ensinada a se comportar bem em casa, ela se comportará bem em outros lugares, agora se ela fizer o contrário, com certeza, teremos aí um criança sem limites e que não respeita as regras. Eu aprendi como mãe há doze anos, e como líder há 10 anos que é necessário que nós mesmos nos re-eduquemos e assim aos nossos filhos. Um exemplo claro é meu filho menor de 5 anos, o Nathy, ele é um menino doce, tranquilo, mas, quando ele acha que está mandando no pedaço, decide então utilizar as suas armas. A falta de obediência prejudica o meu relacionamento com ele, porque eu mesma o criei dessa forma, desde que ele sofreu um acidente em que quebrou o fêmur aos dois anos e meio de idade, procurei ter um certo cuidado de não aplicar a ele a correção necessária e não ensiná-lo como deve se comportar, talvez por receio de que ele me desobedecesse mais ainda. Porém decidi, por um fim ao monopólio chamado Nathy, e coloquei para ele regras que devem ser obedecidas, e também boas maneiras que devem ser seguidas. Não vou dizer que está funcionando 100% , mas que 80% está caminhando bem, porque crianças na idade dele não aprendem tão rápido tantas coisas ao mesmo tempo, porque é uma fase em que eles ainda procuram conhecer a si mesmos. Ok! Falei demais não é? Mas, isso foi apenas para que você entendesse, o quanto é importante antes de tentarmos ensinar algo, procurarmos também conhecimento através de livros, revistas que falam sobre educação social, educação cristã, liderança, dentro outros assuntos, pertinentes a nossa área de atuação. Pois, isso nos ajudará a aplicar na prática tudo o que aprendemos.
No próximo post, destacarei algumas regras importantes.
Até logo.
Share:
Postar um comentário