Pular para o conteúdo principal

Namoro Cristão


Namorar é bom demais! Mas antes é preciso responder algumas perguntas...

Como Posso ter um namoro aprovado por Deus? 

NAMORO CRISTÃO: Período de amizade, conhecimento mútuo, oração e estudo da Palavra de Deus. 

NOIVADO CRISTÃO: Período de planejamento e preparação para o casamento, compra de móveis, arrumação da casa, etc., tudo deve ser feito com muita oração e direção na Palavra. 

CASAMENTO CRISTÃO: Envolvimento espiritual, mental e físico. O Senhor deixou claro que só através do casamento o homem e a mulher seriam os dois uma só carne, ou seja, teriam relacionamento físico. 

a. - Os padrões do namoro cristão são bem diferentes dos padrões que o sistema do mundo tem. No sistema do mundo, na maioria dos casos, o namoro está alicerçado no prazer físico e egoísta. Na maioria das vezes o sexo é a base do relacionamento, e, talvez depois, acontece o casamento. 

b. - O namoro cristão precisa ser diferente, Deus coloca limites para a nossa vida em tudo, porque em nós há um desejo depravado para pecar, vindo assim a nossa destruição. 

c. - O namoro cristão precisa ser uma amizade que cresce em oração e estudo da Palavra de Deus; o casal tem oportunidades de se conhecer e aplicar o conhecimento da Palavra de Deus ao seu relacionamento. O objetivo do namoro cristão deve ser o conhecimento mútuo e o prazer da amizade. 

A VONTADE DE DEUS É A NOSSA SANTIFICAÇÃO: (ITes. 4:1-8)

Santificar-se é viver dentro dos padrões da Palavra de Deus, é ter temor do Senhor no coração e rejeitar tudo aquilo que é pecaminoso e prejudicial para a nossa alma. : (vs. 3) 

Em IPe. 1:16, o Senhor nos diz: "Sede santos, porque eu sou santo". 

Em Jo. 17:17 diz: "Santifica-os na verdade, a Tua Palavra é a verdade". 

Quando fazemos a vontade de Deus, experimentamos a verdadeira alegria e o verdadeiro propósito da vida. Mas quando desobedecemos a vontade de Deus, nos tornamos tristes, vazios, angustiados e sem propósito na vida e vem o embrutecimento da nossa personalidade. (Jd. 10) 

TEMOS A RESPONSABILIDADE DO NOSSO PRÓPRIO CORPO DIANTE DE DEUS: (I Tes. 4:4-5) 

O nosso corpo é o templo do Espírito Santo, é a habitação de Deus aqui na terra, fomos comprados com o sangue de Jesus Cristo o Filho de Deus. Portanto não somos mais de nós mesmos, ou seja, não podemos fazer com o nosso corpo o que fazíamos no passado, mas através do nosso corpo devemos glorificar o Nome do Senhor. (ICor. 6:15-20) 

SOMOS RESPONSÁVEIS DIANTE DE DEUS, POR AQUILO QUE CAUSAMOS NAS OUTRAS PESSOAS, ATRAVÉS DOS NOSSOS CORPOS E ATITUDES: (ITes. 4:6) 

Defraudar ou Oprimir significa: Despertar desejo em alguém, não podendo ser satisfeito dentro dos padrões da Palavra e Vontade de Deus. (Ex. carícias, gestos, palavras, uso de roupas, etc...). 

REJEITAR TODAS ESTAS COISAS, É REJEITAR A DEUS E NÃO A HOMENS: (I Tes. 4:8) 

Muitas vezes somos tentados a fazer algo errado, principalmente quando achamos que não tem ninguém por perto nos vendo; mas nos enganamos, porque a Bíblia diz que Deus está vendo tudo (Heb. 4:13). Por isso, quando voluntariamente pecamos desobedecendo a Palavra de Deus, o Espírito Santo se entristece em nós, além disso, estaremos dando lugar ao diabo e entrando em decadência espiritual. O sexo fora do casamento é algo reprovável e condenável por Deus. O Senhor não criou o homem para o pecado, mas sim, para a santidade. (I Cor. 6:9-11; Atos 15:29; Mt. 5:32; Apc. 22:14-15) 

*Nunca devemos nos esquecer: "A santidade é bela". (Salmo 96:9 e 27:4) 

*NAS TRÊS ETAPAS, (NAMORO, NOIVADO E CASAMENTO) JESUS CRISTO PRECISA SER O CENTRO DAS NOSSAS ATENÇÕES: (Fp. 1:21). Só conseguiremos ser felizes quando Jesus Cristo estiver no centro de nossas vidas e dos nossos relacionamentos. Só depois que permitirmos que o Senhor reine sobre nós é que conseguiremos êxito em tudo que fizermos. 

PARA QUE O NAMORO SEJA DA VONTADE DE DEUS... 

1- Nunca Namorar com uma pessoa que não crê em Deus. 2Cor. 6:14-18 

2- O Namoro precisa começar sempre com Oração. Fp.4:6 

3- Comunicar aos pais de ambos, sobre suas intenções. Ef. 6:1-3 

4- Nunca viver no "agarra-agarra", principalmente na rua. Col. 4:5 

5- Nunca namorar dentro da Igreja. A Igreja é um lugar de adoração a Deus. 

6- Não deixar o grupo de jovens por causa do namoro. Heb. 10:25 

POR QUE NAMORAR? 

O que você pensa sobre o namoro? Você já fez essa pergunta a si mesmo? Ela pode ajudar muito a definir com que idade deve-se começar a namorar. Tudo depende da maneira como você vai encará-lo. Se for com seriedade e compromisso , pode-se dizer que o seu equilíbrio emocional está começando.
Iniciar um namoro com 12 ou 13 anos, geralmente causa privações de estar com outros amigos ,jogar o esporte que gosta, porque o(a) namorado(a) pode ficar com ciúmes. Por que queimar etapas da sua vida antes da hora? Assumir a seriedade do namoro tão cedo? Adolescência é para se curtir os amigos, viver muitas aventuras. Será que você está preparado(a) para dedicar-se tanto a uma pessoa?
O namoro não é apenas um momento de emoção a dois. Ele é um período muito importante e deve ser levado a sério em nossas vidas. A sua base deve ser firmada num amor de verdade e não em uma paixão desenfreada. E isso leva tempo para se adquirir.
O namoro é o tempo das descobertas. Descobrir o máximo como é o outro: sua personalidade, temperamento, caráter, afinidades e hábitos. Além de oferecer também uma oportunidade para se desenvolver amizade e companheirismo. Você entrou num namoro só por causa das carícias? Cuidado! Elas são muito atraentes e envolventes, mas costumam cegar nosso entendimento para outras áreas importantes. Numa dessas, você pensa que o(a) garoto(a) é um príncipe (ou princesa),de repente você está com o maior "sapo" nas mãos. 

COM QUEM VOU NAMORAR? 

Você já pensou nas qualidades que espera encontrar na pessoa amada? Observe as dicas a seguir e decida somente após uma séria avaliação.

Dicas para um bom namoro 
• O que ele (a) pensa sobre Deus? 
• Ele (a) dá testemunho de uma vida comprometida com Deus? 
• Ele (a) é bondoso(a)? Educado(a)? 
• Como ele(a) reage às suas fraquezas e defeitos? 
• Como reage aos problemas que a vida traz? 
• Como ele(a) reage à auto- É companheiro(a)? É amigo(a)? 
• É briguento(a)? 
• Ele(a) é sensível? Demonstra consideração? 
• Já estabeleceu alvos para o futuro?
• Como ele(a) lida com dinheiro? 

Sem dúvida, é difícil encontrar todas essas qualidades numa só pessoa. Veja se a pessoa corresponde às expectativas que você considera essenciais. Coloque seus anseios quanto a ela em oração e espere em Deus. Lembre-se que Ele pode responder sim, não ou espere. 
O coração humano sempre tem dificuldade em ESPERAR. Deus por toda a Bíblia, nos orienta a esperar por Ele, como em Salmo 46.10- "Aquietai-vos e sabei que eu Sou Deus." Quando ao invés de aquietar, nós nos inquietamos e começamos a agir por conta própria, acumulamos frustrações e problemas.
Ao procurarmos o querer do Senhor para nossas vidas, descobrimos a grande verdade descrita em Rm 12.2-"A vontade de Deus é boa perfeita e agradável". Ele sempre quer o melhor para nós.
Você encontrou a pessoa certa? Já sente-se com maturidade suficiente para encarar o amor e suas responsabilidades? Orou ao Senhor, e obteve uma resposta afirmativa, até de seus pais? Vá em frente, invista nesse namoro. Vai valer a pena! Caso contrário, vá curtir sua juventude, seus amigos e cada etapa desta emocionante fase da vida , pois ainda não é o seu tempo para namorar.
Namorar é muito bom! Mas, namorar dentro da vontade de Deus é melhor ainda!!!

UM NAMORO QUE VEM DE DEUS 

Quando Isaque estava pronto para se casar, seu pai Abraão enviou um servo a sua pátria para escolher uma esposa para Isaque. O servo encontrou Rebeca e trouxe-a na volta para Canaã, para ser esposa de Isaque. Ele só se encontrou com Rebeca pouco antes de se casarem e não a namorou (Gênesis 24). Isso pode parecer estranho, até mesmo espantoso, para uma pessoa jovem de hoje em dia, mas os casamentos arranjados pelos pais eram comuns nos tempos bíblicos. O que dizer do romance? E se o homem e a mulher não fossem fisicamente atraídos um pelo outro? Esses casamentos, com freqüência, duravam precisamente porque não eram iniciados na base da atração física ou do amor romântico, uma emoção que é freqüentemente difícil de sustentar. 

Hoje, contudo, é mais comum os jovens selecionarem seus próprios companheiros. Enquanto o namoro nem sempre leva ao casamento, é o método usual de se encontrar um parceiro para o casamento. O namoro sempre permite que se observe e se conheça mais sobre aquela pessoa especial a quem se está considerando como um possível companheiro.

Obviamente, o namoro pode e deve ser agradável, mas também é sério. A seleção de um parceiro para o casamento é uma das mais significativas decisões que uma pessoa fará na vida. A Bíblia ensina que quando um homem e uma mulher se casam, deverão permanecer casados pelo resto de suas vidas. O divórcio é autorizado por Deus somente em casos quando o adultério foi cometido por um dos parceiros (Mateus 19:3-9; 5:31-32). Uma má escolha do companheiro é uma decisão que pode causar muito sofrimento, mais tarde, na vida. Por outro lado, um bom companheiro é uma bênção maravilhosa em nossa vida (Provérbios 18:22).

QUE TIPO DE PARCEIRO DEVERÁ UM HOMEM OU UMA MULHER ESTAR PROCURANDO?

Freqüentemente, os jovens escolhem seus namorados na base da aparência física. Rapazes querem namorar mulheres com corpo bem feito e feições atraentes. As moças querem namorar homens com corpo forte e feições elegantes. Infelizmente, a atração física não é uma garantia de que um jovem será um bom esposo ou de que uma moça venha a ser uma boa esposa.

Não é errado, certamente, ser-se atraído pela beleza física, mas o bom caráter é o que dá a felicidade no casamento (1 Pedro 3:1-6). Quando as pessoas namoram, que traços de caráter deveriam elas estar procurando em seus namorados? Observando as responsabilidades de esposos e esposas, podemos descobrir alguns dos traços que são necessários a um casamento bem sucedido. As Escrituras também nos dizem sobre alguns traços de caráter que são importantes em qualquer relação humana.

PROCURANDO UM BOM ESPOSO

A responsabilidade do esposo é amar sua esposa sem egoísmo, assim como Cristo amou a igreja (Efésios 5:25-29). Ele precisa estar pronto a sacrificar-se por ela, a amá-la nos tempos difíceis. O esposo é a cabeça da esposa, mas precisa respeitá-la como aquela que se submeteu a ele voluntariamente, isto é, aquela que se tornou o "vaso mais fraco" por sua própria escolha (1 Pedro 3:7). Como provedor de sua família, ele precisa possuir a vontade de trabalhar com suas mãos e sua mente (Gênesis 3:17-19; 1 Timóteo 5:8). Quando uma mulher namora, ela deverá estar-se fazendo as seguintes perguntas sobre o homem com quem ela está se encontrando. Ele demonstra uma atitude desprendida? Ele mostra respeito pelas mulheres? Ela deverá ser bastante prudente para observar como ele age com sua mãe, a quem ele é mandado honrar pelas Escrituras (Efésios 6:2). Ele tem demonstrado capacidade para terminar tarefas desagradáveis que precisam ser feitas ou ele perde o interesse rapidamente e desiste?

PROCURANDO UMA BOA ESPOSA 

A responsabilidade da esposa é amar seu esposo e filhos e cuidar da casa (Tito 2:4-5; 1 Timóteo 5:14). Os cuidados da casa, incluindo o trato e o ensinamento dos filhos, exigem muito trabalho e paciência. Ela precisa querer submeter-se à autoridade de seu esposo, justamente como a igreja precisa submeter-se a sua cabeça, Jesus Cristo, em todas as coisas (Efésios 5:22-24). Assim como a mulher, o homem deverá estar-se fazendo algumas perguntas a respeito da pessoa que ele está encontrando. Ela adorna a pessoa interior do seu coração adequadamente, manifestando um espírito que é "manso e tranqüilo" (1 Pedro 3:3-4)? Ela mostra respeito pela autoridade de seus pais? Se não, ela mais tarde mostrará respeito pela autoridade de seu esposo? Ela demonstrou capacidade e disposição para trabalhar nas tarefas domésticas até que elas estejam terminadas e bem feitas? Todo o homem jovem faria bem em ler Provérbios 31:10-31 e considerar as qualidades da mulher descrita nesse texto.

TRAÇOS GERAIS DE CARÁTER

Há outros traços de caráter e atitudes que são de suma importância para o sucesso no casamento. Por exemplo, a confiança é a base do casamento. Aqueles que servem para o casamento deverão falar sempre a verdade, não só um com o outro, mas em qualquer circunstância (Colossenses 3:9). Haverá ocasiões em um casamento quando um parceiro não terá como verificar a veracidade do outro. Para que esse casamento perdure, cada um precisa ser capaz de ter confiança na honestidade e fidelidade do outro. A pessoa que estou namorando diz sempre a verdade a mim e aos outros?
Duas pessoas quaisquer, numa relação tão íntima como o casamento, eventualmente pecarão uma contra a outra. Para que essa relação permaneça sadia, ambos precisam ser capazes de admitir o erro e pedir perdão. Isso exige humildade, que não é a ausência de confiança em si mesmo, mas antes uma avaliação adequada de si mesmo em relação com Deus e com os outros. A arrogância e a hipocrisia que ela produz podem destruir um casamento. A pessoa que estou namorando manifesta uma humildade genuína?
Talvez uma das fraquezas humanas mais comuns é a raiva desenfreada. Impaciência com irritabilidade fazem uma combinação terrível, que freqüentemente destrói a comunicação num casamento e às vezes resulta em violência física de um parceiro contra o outro. A Bíblia adverte repetidamente contra o perigo da ira incontida (Tiago 1:19-20; Efésios 4:26-27,31-32). Explosões de temperamento durante o período de namoro são um sinal claro de que o casamento com uma pessoa assim trará dificuldades.
Espiritualidade e respeito pela palavra de Deus são os traços que formam uma base firme para todos estes outros traços de caráter e atitudes. Aqueles que vivem num nível puramente físico, cuidando apenas dos prazeres da carne, dão maus parceiros de casamento porque tendem a ser abertamente egoístas e freqüentemente lhes falta domínio próprio. A pessoa que estou namorando está interessada em servir a Deus? Essa pessoa demonstra interesse por coisas espirituais? Aqueles homens e mulheres que estão habituados a seguir a palavra de Deus na vida são melhores esposos, simplesmente porque a Bíblia contém a receita para um casamento bem sucedido.

SUGESTÕES PARA O NAMORO

O processo de amadurecimento físico e mental dos jovens traz tanto potência quanto perigo. É claro, nossos corpos freqüentemente amadurecem mais depressa que nosso juízo. Além disso, os desejos sexuais são com freqüência mais fortes na adolescência e na juventude do que em qualquer outro período da vida. Por esta razão, é importantíssimo que os jovens percebam a importância de manter a pureza sexual. A Bíblia é clara sobre o fato que ter relações sexuais antes do casamento é pecaminoso (1 Coríntios 6:13-18; 7:1-2). Umas poucas orientações simples para o namoro ajudarão a diminuir o perigo de ser-se apanhado na impureza.
Evite o contato físico excessivo. As chamas da paixão freqüentemente são avivadas pelo contato físico íntimo até o ponto em que nenhuma pessoa quer parar. Muitos homens e mulheres tem pensado que poderiam se conter em certas circunstâncias, mas perderam sua pureza num momento de fraqueza. "Tomará alguém fogo no seio, sem que as suas vestes se incendeiem? Ou andará alguém sobre brasas, sem que se queimem os seus pés?" (Provérbios 6:27-28).
Não se encha de desejos pecaminosos, evitando situações que provoquem a tentação (Romanos 13:14). É possível resistir à tentação, mas precisamos querer buscar o meio de escapar (1 Coríntios 10:12-13). Evite os lugares escuros, isolados. Planeje as atividades do namoro em vez de se deixar levar pela paixão do momento. Roupas modestas também ajudam a evitar a tentação. As mulheres, especialmente, deveriam vestir-se de tal modo que reflita sua castidade e pureza; vestir-se de roupas escandalosas é sugerir ao seu namorado que ela pode estar querendo se envolver em comportamento lascivo.
Evite namorar com pouca idade. Por causa do principal propósito do namoro, isto é, encontrar um companheiro, é um erro começar a namorar muito cedo. Tal prática meramente coloca meninos e meninas em situações para as quais não estão preparados. Infelizmente os jovens, freqüente e erradamente consideram o comportamento lascivo como um sinal de maturidade e desejam desesperadamente tornar-se adultos. Os pais dos jovens não deveriam permitir-lhes namorar enquanto não amadurecerem suficientemente para entender os perigos e as responsabilidades do namoro.
Tem sido observado que geralmente casamos com alguém que namoramos! Por essa razão, os homens e as mulheres precisam agir com cuidado no namoro. Olhar para o caráter da pessoa que namoramos, em vez de ver somente sua aparência física, pode ajudar a garantir a escolha de um bom parceiro. A prudência no namoro nos ajudará a evitar os trágicos erros e pecados que podem danificar seriamente nossas oportunidades de futura felicidade nesta vida, e na eternidade. 

Os Dez Mandamentos do Namoro

Namoro é uma fase muito bonita. É definida como o ato de galantear, cortejar, procurar inspirar amor a alguém. O namoro cristão, tenha a idade que tiver, deve ser uma convivência afetiva preliminar que amadurece e prepara o casal para o compromisso mais profundo. O contrário disso, longe dos princípios de Deus, pode resultar em uma experiência nociva e traumática. Observe alguns princípios que ajudam a manter o seu namoro dentro do ponto de vista de Deus.

1. Não namore por lazer: namoro não é passatempo e o cristão consciente deve encarar o namoro como uma etapa importante e básica para um relacionamento duradouro e feliz. Casamentos sólidos decorrem de namoros bem ajustados.

2. Não se prenda em um jugo desigual (II Co 6:14-18): iniciar um namoro com alguém que não crê em Deus pode resultar em um casamento equivocado. 

3. Imponha limites no relacionamento: o namoro moderno, segundo o ponto de vista dos incrédulos, está deformado e nele intimidade sexual ou práticas que levam a uma intimidade cada vez maior são normais, mas o namoro do cristão não deve ser assim, o que nos leva ao próximo mandamento.

4. Deus criou o sexo para ser praticado entre duas pessoas que se amam e têm entre si amor e um compromisso permanente. 

5. Promova o diálogo e a comunicação: conversar é essencial, estabeleça uma comunicação constante, franca e direta e não evite conversar sobre qualquer assunto.

6. Cultive o romantismo: a convivência a dois deve ser marcada por gentileza, cordialidade e romantismo. Isso não é cafona, nem é coisa do passado e traz brilho ao relacionamento. 

7. Mantenha a dignidade e o respeito: o namoro equilibrado tem um tratamento recíproco de dignidade, respeito e valorização. O respeito é imprescindível para um compromisso respeitoso e duradouro. Desrespeito é falta de amor.

8. Pratique a fidelidade: infidelidade no namoro leva à infidelidade no casamento. Fidelidade é elemento imprescindível em qualquer tipo de relacionamento coerente à vontade de Deus, que abomina a leviandade.

9. Assuma publicamente seu relacionamento: uma pessoa madura e coerente com a vontade de Deus não precisa e nem deve lutar contra seus sentimentos ou escondê-los.

10. Forme um triângulo amoroso: namoro realmente cristão só é bom a três: o casal e Deus. Ele deve ser o centro e o objetivo do namoro. 

Deixe Deus orientar e consolidar seu namoro. Viva integralmente as bênçãos que Deus tem para você através do namoro. E seja feliz.

NAMORO VIRTUAL É PECADO?

A grande questão sobre sites de namoro virtual está justamente em como usar esse serviço. E para o cristão surge uma dúvida ainda maior: "É pecado?"

"Nossa sociedade, cada vez mais, é uma sociedade das coisas `prontas'. Desapareceu o artesão. Queremos a família pronta. O casamento pronto. A amizade pronta. A pessoa pronta. Mas todo relacionamento exige tempo, paciência e dedicação. No amor, só se salva quem for artesão." Essa afirmativa é do consultor comportamental, Antônio Roberto Soares. Suas palavras foram publicadas no artigo intitulado "A Construção do Amor" e publicado no Jornal Estado de Minas, de 16 de maio, 2002. Antônio Roberto Soares tem 58 anos de idade. Começou estudando Filosofia, depois cursou Direito, Administração de Empresas e vários cursos de Psicologia Organizacional e do Comportamento. Hoje, trabalha como consultor de empresas e atua na área há mais de 25 anos. É casado e tem 7 filhos. Suas palavras são pertinentes, se analisarmos que hoje vivemos a chamada era do imediatismo, que tem na internet uma grande aliada. 

Se por um lado a internet é vantajosa no sentido de velocidade, já que as informações são transmitidas quase que instantaneamente e em tempo real, essa mesma velocidade deixa suas marcas. A paciência nesse contexto já não é uma grande virtude. Se considerarmos que hoje tudo é relativo, inclusive e principalmente os valores, tudo é válido. Mas será mesmo tudo válido? 

No caso da internet, por exemplo, a rapidez com que as coisas acontecem é surpreendente. E as relações interpessoais também não poderiam ser uma exceção. Esse é um fator de preocupação até mesmo para especialistas da área. Milhões de pessoas em todo o mundo passam horas em frente ao computador na busca da sua "cara metade virtual". Para se ter uma idéia o portal Terra, um dos maiores do Brasil, possui mais de 7 mil pessoas cadastradas no site "Almas Gêmeas" – site de namoro virtual – e que tem como slogan: "Namoros virtuais são mais reais do que você imagina". O chamado namoro virtual é uma realidade da sociedade moderna. E essa é uma realidade que se caracteriza pela falta de compromisso e o anonimato. Esses são um dos atrativos dessa nova onda, onda essa que pode conduzir, cada vez mais, a portos nada seguros. É o caso recente do imigrante brasileiro, Saul dos Reis Júnior, de 24 anos, há catorze vivendo nos Estados Unidos, que matou a americana Christina Long, de apenas 13 anos. Christina foi morta dentro do carro do brasileiro, no estacionamento de um shopping center, no dia 17 de maio deste ano. Os dois se conheceram pela internet, por meio de um bate-papo virtual. O que poderia ser uma simples "brincadeira" acabou em tragédia. A vida de Saul nunca mais será a mesma. Se for julgado por homicídio, poderá ir para o corredor da morte. 

Santidade por trás do teclado 

A grande questão sobre sites de namoro virtual está justamente em como usar esse serviço. E para o cristão surge uma dúvida ainda maior: "É pecado?" Ciro Eustáquio, pastor na Igreja Batista da Lagoinha afirma: "O dia dos namorados se aproxima e as pessoas estarão cada vez mais propensas e determinadas a encontrar sua cara- metade para que aquele dia não passe em branco. Nós, cristãos, precisamos buscar de Deus o discernimento para que possamos buscar sim, mas com moderação e dentro do propósito de Deus que é a pureza e a santidade. Sendo assim, a pessoa que vai navegar pelas páginas da internet, que vai procurar alguns chats para um papo legal, visando, quem sabe, encontrar aquela pessoa com a qual vai se casar, precisa navegar pela internet em santidade", comenta. Como, então, podemos usufruir da internet sem "defraudar" os princípios da Palavra de Deus?" Isso é possível. Ciro Eustáquio, oferece algumas dicas. Ele, juntamente com sua esposa, Iara Diniz, lidera o Ministério Edificando um Novo Lar, que tem como objetivo dentre outros oferecer todo o suporte necessário à formação de uma família. 

1. Novas amizades. "Procure fazer amizades visitando sites evangélicos. A maioria deles possui salas de bate-papo onde você poderá entrar e ter agradáveis surpresas, pois, ali estão os nossos irmãos. Os sites não evangélicos estão contaminados porque o que domina as pessoas que lá estão é a mente do mundo, e o mundo jaz do maligno." 

2. Discernimento. "Tenha sempre em mente que os assuntos a serem tratados deverão acontecer de forma harmoniosa e pura. Cuidado com as pessoas que logo sugerem uma certa intimidade. São sites evangélicos, mas a porta está aberta e entra quem quiser. Utilize o discernimento que Deus te deu para saber se está diante de uma ovelha ou um lobo." 

3. Sabedoria. Fale das coisas do Senhor. A melhor maneira de conhecer alguém é falando daquilo que Deus tem feito em sua vida. Assim, poderá testemunhar e ouvir a experiência da outra pessoa. Saberá com certeza se é uma nova criatura ou não. 

4. Prudência: "Não dê de imediato as suas informações pessoais como telefone, endereço e outras referências. Afinal de contas, até que possa conhecer bem a pessoa que está do outro lado, vai demorar um pouquinho." 

5. Novos paradigmas: "Estabeleça seus valores. Lembre-se da passagem de Romanos 12 verso 1 que nos adverte": "E não vos conformeis com este século, mas, transformai-vos pela renovação da vossa mente para que experimenteis qual seja a boa, agradável e perfeita vontade de Deus." 

6. Confiança: "Finalmente valorize a si próprio(a). Deus não tem o bom, mas sim o melhor para você. Tão somente creia e espere no Senhor porque certamente bênçãos sem medida serão derramadas sobre a sua vida a partir do momento que você tiver de conhecer aquela pessoa que você vai fazê-la feliz e vice-versa." 

A Bíblia transcende ao tempo. As orientações de Deus são as mesmas desde o tempo do pergaminho até a chegada da comunicação virtual. Por isto está escrito: "Passará o céu e a terra, mas as minhas palavras não passarão." (Mc 13:31.) A santidade é o quesito indispensável para que se possa ver a Deus. O desejo do Senhor é que cada cristão se conserve puro, em santidade. "Porquanto está escrito: Sereis santos, porque eu sou santo." (I Pe 1:16.) Ao se comunicar via internet, o cristão deve sempre observar os cuidados para se conservar santo, não deixando de ser santuário do Altíssimo por estar atrás de um teclado. "Para vos confirmar os corações, de sorte que sejam irrepreensíveis em santidade diante de nosso Deus e Pai, na vinda de nosso Senhor Jesus com todos os seus santos." (I Ts 3:13.)

Fonte: www.lagoinha.com
Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Sugestão de Nomes para Células de Crianças, Pequenos Grupos, Rede Infantil, Cultos.

Olá Meninas e Meninos (jeito carinhoso de chamar vocês tios e tias)! Que a graça e a paz de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo seja com todos vocês. Bem, estava um tanto ausente por causa do trabalho, mas estou de volta e postando novidades. Tenho sido perguntada por alguns tios e tias, sobre idéias de nomes para Células de Crianças, Pequenos Grupos, Rede Infantil, Cultos. E hoje decidi postar algumas sugestões.
O lado bom de se trabalhar em ministério infantil, é quando fazemos as escolhas do nome da classe, da célula, do pequeno grupo, das Redes de Crianças, dos Encontros Semanais e dos Cultinhos.
Uma amiga aqui de Manaus que eu gosto muito, foi quem me motivou a postar antecipadamente este post, que eu ainda estava preparando (a bom preparar). Mas, fico feliz porque sei que de alguma forma estarei ajudando muitas de vocês. 
Sei que nem todo mundo tem criatividade de inventar ou criar algo na hora de supetão. É necessário preparo, conhecimento daquilo que se quer fazer, pesquisas …

Monte sua história bíblica, lembrancinhas, diversos, utilizando materiais recicláveis.

Quero dizer aqui que eu já estava com saudades de escrever. Por ficar muito tempo sem acesso a net, por conta do trabalho tenho sentido dificuldade de manter o site atualizado. Mas, nada que impeça de chegar até aqui e postar algo que seja relevante para quem nos visita.
Vou dar uma dica de como você poderá utilizar-se de materiais recicláveis para poder montar sua história bíblica ou suas aulinhas, utilizar para as lembrancinhas, dentre outros, tenho certeza que você vai gostar. Algumas idéias abaixo são de amigas blogueiras que encontrei na internet (estas eu darei o crédito, pois não seria justo e também plágio e não é isso que quero expor aqui).


DO BLOG DA PROFESSORA ICLEA BRITO - RESGATANDO CRIANÇAS PARA O REINO DE DEUS - Visitem-na! Este palhaço foi feito com materiais reutilizáveis, muito carinho e criatividade, espero que gostem! Áh! Não esqueça de dar a sua pitadinha de criatividade, beijos... fiquem com Deus.



MATERIAIS:

1 garrafa PET de refrigerante 500mL - corpo. 1 tampa de garr…

Personagens bíblicos para histórias em E.V.A.

Olá, mais uma vez estou aqui. Lembram que prometi a vocês que iria postar materiais de ensino? Bem, hoje vou postar em fotos, personagens para histórias bíblicas que você pode criar com um único molde, basta usar a criatividade. Eu achei este molde na internet, e decidi apostar nele. Os detalhes, como roupas eu mesma elaborei, baseada no corpinho do próprio molde. Você verá a sequência que irei expor aqui, e espero eu que você possa entender, porque está muito fácil. Você pode utilizar o mesmo molde para fazer diversos personagens de histórias bíblicas, se quiser. Vamos lá então ver como ficou???


Postando o molde do boneco. Só não deu pra postar os demais, porque foram feitos baseados no corpo do boneco. Use a criatividade. Vamos lá!? (07/05/2015)